Secretaria Geral

Promoção da aprendizagem digital através dos Fablabs

Promoção da aprendizagem digital através dos Fablabs

As Secretárias de Estado da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, Maria Fernanda Rollo, e da Indústria, Ana Teresa Lehmann, iniciam um roteiro pelos Fablabs instalados em Portugal. O roteiro começa com a visita ao Fablab da ÉvoraTech, Incubadora de Base Tecnológica de Évora, no dia 21 de maio.

Os Fablabs são oficinas experimentais que oferecem um conjunto de máquinas e ferramentas digitais que permitem a qualquer pessoa produzir em pequena escala diversos produtos personalizados.

São espaços que podem assumir um papel fundamental na valorização e difusão de conhecimento, em particular das novas tecnologias digitais de produção, bem como na consolidação de práticas colaborativas, que contribuem para dar resposta a desafios sociais nos contextos territoriais em que se inscrevem.

Transformação tecnológica e digital

A aproximação do conhecimento à sociedade e às empresas, num cenário de crescente transformação tecnológica e digital, tem transportado novas responsabilidades, novos desafios e múltiplas oportunidades no plano das novas fronteiras do conhecimento científico e da sua aplicação, no domínio da formação e da qualificação das pessoas e na ampliação de contextos de aprendizagem inclusivos e colaborativos.

A aposta no Conhecimento deve acontecer o mais a montante possível. Daí o compromisso do Governo no sentido da sua valorização e promoção em vários domínios, nomeadamente económico, social, ambiental e cultural, e em várias fases, da criação, à partilha e aplicação.

Neste âmbito, tem sido adotado um conjunto de medidas destinadas a dinamizar a agenda do conhecimento e da inovação, estimulando a adoção de tecnologia pelas empresas e pela sociedade em geral, reforçando a promoção da cultura científica e tecnológica, aumentando o emprego científico e garantindo novos contextos de formação e investigação.

Indústria 4.0

Também no âmbito da indústria 4.0 (i4.0) o Governo promove e apoia a criação de Fábricas de Aprendizagem (Learning Factories), infraestruturas físicas com equipamento tecnológico que simulem ambientes empresariais i4.0 dedicados à experimentação, prototipagem e formação, permitindo a partilha de conhecimento da i4.0 e a sua aplicação prática.

A ÉvoraTech, gerida pela Agência de Desenvolvimento Regional do Alentejo, integra a Rede Nacional de Incubadoras e disponibiliza um conjunto de serviços no sentido de acolher e promover ideias, projetos e startups, especialmente inovadores, de base tecnológica e elevado potencial de crescimento.

O Fablab ÉvoraTech ajuda a desenvolver projetos inovadores com recurso a meios de prototipagem rápida, eletrónica, internet das coisas e robótica, assumindo-se por isso como um centro de transferência de conhecimento e prototipagem de produto, estando disponível para a comunidade académica e científica, empresas e comunidade local.

Presentemente, há 16 Fablabs em atividade e 3 em instalação, havendo uma associação de Fablabs de Portugal que agrupa os Fablabs de instituições públicas e privadas.


in Portal do Governo

2018-05-21

 

 

 

  • Recrutamento
  • Denúncias / Queixas
  • Reserva de espaços
  • Portugal 2020
  • Indústria 4.0
  • Web Summit
66